Segunda-feira, 7 de Janeiro de 2008

Sem título 14

Quando sinto o corpo a borbulhar provocando uma ténue sensação de cócegas;

Quando transpareço sorrisos inconscientes desenhados nos lábios, de forma tão pura que me iluminam o olhar;

Quando surgem coisas menos boas pela frente e num piscar de olhos sinto de novo o borbulhar;

Quando as mais pequenas coisas me dão um conforto absolutamente estonteante;

Quando me sinto uma borboleta, um pirilampo, uma bolinha de sabão;

Estou feliz, alegre, contente.

estou: feliz, alegre e contente
música: silêncio
por InConsciente às 12:46
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De Mononoke a 9 de Janeiro de 2008 às 22:31
Estas feliz, que bom!!!
De InConsciente a 10 de Janeiro de 2008 às 10:47
:))) (sorriso grande)

Beijos

comentar post

InConsciente de mim


ver perfil

seguir perfil

. 1 seguidor

pesquisar

Dezembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

rascunhos InConscientes

Um Verão...

(RE)começar

Sem assunto 11

Triste e Ausente

Miana, a Caçadora

Hoje é...

Soube bem:

Sem título 18

19.04.1982

para espreitar

tags

todas as tags

InConscientes passados

imagens de mim | por mim

subscrever feeds