Quinta-feira, 17 de Janeiro de 2008

Sem título 16

"Os amantes dos animais são uma casta especial de seres humanos, espíritos generosos e cheios de empatia. Talvez um pouco dados a sentimentalismos e com corações do tamanho de um céu sem nuvens."

John Grogan in Marley e Eu


Finalmente acabei o livro Marley e Eu, de John Grogan. Levei muito tempo a lê-lo, entre desaparecimentos do livro e o não querer chegar ao fim por saber exactamente o que me ia acontecer. Pois se eu chorei, mas chorei mesmo, quando o cão da "Anatomia de Gray" teve que levar a injecção do "sono profundo"; pois se eu não vejo documentários sobre a vida selvagem, porque me custa ver a realidade em que uns animais comem outros; é certo e sabido que ia chorar com o livro. Parvoíce ou não, quando dei por mim corriam-me lágrimas espessas e sucessivas pela cara quando tive que partilhar o adeus de Marley.

Tenho o rabo cheio de covas feitas pela textura incerta de uma das rochas da Praia dos 2 Irmãos. A maré está vazia e o areal delicioso para grandes caminhadas. O silêncio interrompido pelo som das ondas traz uma energia mágica. Amei cada segundo deste início de tarde. Amei cada lágrima que me escorreu do rosto à página que lia. Amei o vento frio com cheiro a maresia a entrar pelos poros das minhas mãos despidas. Amei este momento.

Lembrei-me da Bulma a minha rafeira e Primeira Amiga de 4 patas.
Lembrei-me da Piruças a minha gata preta e branca, filha da Miana, muito doce e assustadiça.
Lembrei-me do D., um verdadeiro leitor e escritor.

Amei (re)lembrar que as memórias que têm amor não desaparecem, apenas ficam adormecidas.

estou: a flutuar e com saudades
música: o som das ondas gravado na memória
por InConsciente às 17:29
link | comentar | favorito
Terça-feira, 15 de Janeiro de 2008

Sorriso Grande

Foi assim que entrei em 2008, com um sorriso grande estampado no rosto. E o meu sorriso cresceu ainda mais quando vi a Mo ali, perto da entrada, mesmo a jeito de eu a encher de beijos.


por mo, com uma lomo, depois das badaladas.


estou: com um sorriso grande
música: silêncio
tags: ,
por InConsciente às 20:46
link | comentar | ver comentários (4) | favorito
Segunda-feira, 14 de Janeiro de 2008

Sem assunto 08

A sala tem 2 sofás. Um de três lugares, outro de 2. O de 2 é da gata Miana. O de três é da gata Mel e às vezes, também, da gata Miana. Dantes, simplesmente “esponjava-me” em qualquer sofá. Agora tenho que olhar antes de me atirar ao conforto para não esmagar nenhuma gatona com o meu Sr. Rabo. A esta hora devem andar as duas a percorrer a casa, ou a aproveitar o sol no quintal, numa varanda, num parapeito, num pedaço de chão onde estiver reflectida a luz. Gosto tanto, tanto, tanto (infinitas vezes tanto) de vocês gatonas!


Depois de um dia de chuva a Sasha e o Lamas acordam com uma energia louca! Vou abrir o portão que fica fechado à noite, para evitar investidas a todo o vapor contra o portão grande, e o ladrar incessante provocado por qualquer movimento na rua silenciosa. Eles fazem o seu cumprimento em "u", pulam, ladram, lambem, cheiram, fazem aquele olhar que revela a mais pura forma de alegria. Umas corridas, umas cócegas, umas beijocas e umas lambidelas, colinho que me atira ao chão, muito mimo e um sorriso tolo porque gosto tanto, tanto, tanto (infinitas vezes tanto) de vocês boxers malucos!


Está sol, mas há algumas nuvens fofas que me lembram algodão doce. Os vidros ainda estão carregados de humidade. Estou gelada porque é esta a minha temperatura normal nesta altura do ano. Um dia pus o termómetro por curiosidade, e a minha temperatura era de 35,5º. Sou assim, um ser muito particular. Adoro animais. Adorei nadar com golfinhos. Adoro um sorriso estranho.


Vou-me concentrar.

estou: estupidamente sorridente
música: silêncio
por InConsciente às 10:21
link | comentar | ver comentários (4) | favorito

InConsciente de mim


ver perfil

seguir perfil

. 1 seguidor

pesquisar

Dezembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

rascunhos InConscientes

Fofusca má linda!

Sorriso grande, porque:

Para quem tem gatos

Sem título 16

Sorriso Grande

Sem assunto 08

Sem assunto 07

Para as minhas gatas, Mia...

Para a S.

para espreitar

tags

todas as tags

InConscientes passados

imagens de mim | por mim

subscrever feeds